Por que D’us criou mosquitos que nos chateiam?

14.05.19

Question

Para que servem os milhões de insetos em nosso mundo, especialmente os mosquitos que nos picam e nos chateiam?
 

Answer

Eren pergunta: “Eu gostaria de entender que benefício temos dos diferentes tipos de insetos e particularmente dos mosquitos que não só não nos fazem nenhum bem, mas também sugam nosso sangue e nos fazem infelizes? Obrigado.

*        *        *

Saudações, Eran e obrigado pela sua pergunta.

A ecologia nos ensina que todas as criaturas deste mundo, incluindo as menores, têm um efeito indireto sobre todas as outras criaturas em seu entorno.

1. Insetos são alimentos para répteis, pássaros e pequenos mamíferos. Sem insetos para comer, milhares de espécies maiores seriam extintas. Os mosquitos, em particular, são o principal alimento para criaturas maiores, devido à sua impressionante capacidade de reprodução e à facilidade com que se movem rapidamente de um lugar para outro. Enxames de mosquitos servem de alimento para inúmeras criaturas.

2. Os insetos são vitais para o bem-estar das plantas e árvores. Eles polinizam flores e as ajudam a crescer em todo o mundo. Sem insetos, teríamos muito menos plantas e árvores no mundo.

3. Os insetos comem restos podres e em decomposição, impedindo assim a disseminação de doenças perigosas.

4. Os mosquitos também diluem grandes populações de animais transmitindo doenças, propagando um ciclo natural de vida que, sem a sua existência, causaria a extinção de algumas criaturas.

O midrash relata uma parábola sobre um sapo que disse ao rei David: “Estou ocupado com um mandamento. O que é isso? Há uma certa espécie na costa que só pode viver na água, e quando está com fome, me leva e me come. Este é o meu mandamento. ”(Yalkut Shimoni, Salmos 889)

A misericórdia de D'us pode ser vista no imenso planejamento do  universo que permite a existência de carnívoros como leões junto com herbívoros como zebras e elefantes, desde as criaturas menores até as maiores. Há um bom equilíbrio neste ciclo de vida (que hoje é chamado de "ecologia").

A natureza é meticulosamente planejada. Todas as criaturas (predadores e suas presas) estão intimamente ligadas a um ciclo natural que cria um equilíbrio. Só graças a este sistema sofisticado as criaturas são  capazes de sobreviver juntas sem causar a extinção umas das outras.

Uma vez vi um vídeo da National Geographic sobre elefantes na África. Os filmes mostravam como leões despedaçavam elefantes fracos ou jovens indefesos. Era difícil de assistir, mas no final, o narrador de repente revelou um fato surpreendente que mudou a imagem sombria: acontece que os elefantes vivem até os 60 anos, e em sua longa jornada pela África eles eliminam todas as fontes de alimento que eles encontram em seu caminho. Se não fosse pelos leões e outros perigos que diluem sua população, os elefantes destruiriam todo o suprimento de comida na África, trariam morte a todas as outras criaturas e no final causariam sua própria extinção por causa da  fome!

Isto significa que um equilíbrio diferente da vida transformaria a África em um deserto. Acontece que mesmo aquelas criaturas que parecem ser predadores cruéis na natureza, desempenham um papel vital no ciclo da vida que permite a existência de milhões de outras espécies na terra. Embora sejamos mistificados por muitas coisas na natureza, há de fato imensa e surpreendente sabedoria divina por trás dela.

Quanto à sua pergunta sobre a picada de um mosquito: É essencial entender que toda a criação é um reflexo das ações da humanidade. Quando as pessoas pecam, o nível dos animais também se deteriora e eles se tornam prejudiciais para a humanidade. Após o pecado de Adão, o nível espiritual do mundo caiu drasticamente e somente na Redenção final o mundo alcançará sua retificação e, com isso, tudo na natureza parece cruel para nós. Aquelas espécies que hoje põem humanos - receberam a capacidade de causar sofrimento apenas após o pecado de Adão. (nao tem sentido esta palavra- não entendi. será que não seria : 'aquelas espécieis que hoje incomodam os humanos"?)

Apesar disso, o que nos parece ser um sofrimento inútil ainda é de grande benefício para nós e é uma grande bondade que expia nossos pecados no lugar de punições muito maiores. Nossos sábios nos dizem (Arachin 16b) “O que é chamado de 'sofrimento'? Se alguém quisesse misturar uma taça de vinho com água quente e, por engano, misturasse com água fria ou  quisesse misturá-la com água fria e misturasse por engano com água quente, isso é chamado de 'sofrimento' ... se  ele colocar a roupa ao avesso  e tiver que tirá-la e vesti-la corretamente , isso é "sofrimento" ... Se ele colocou a mão no bolso para pegar  3 moedas, e  quando ele tira , só vem 2 moedas na mão, isso é 'sofrimento' ”.

Imaginem, a título de ilustração, que um mosquito te  mordeu cada vez que você disse algo que é semelhante a calúnia, e devido a essas mordidas irritantes, muitos dos seus pecados foram expiados, em vez de todos esses pecados se acumularem e você ter que sofrer no futuro. Graças a esses mosquitos irritantes, você chegará mais limpo e puro ao Mundo Vindouro . Você certamente agradecerá àqueles miseráveis mosquitos que foram enviados pelo céu para o seu benefício.

Comments